Jogando agressivamente no Turn

janeiro 31, 2011
Escrito por Phil shaw
Traduzido pela Universidade do Poker

A maioria dos jogadores do No Limit Holdem moderno, particularmente estes que aprenderam online, são familiarizados com linhas como three bet light e continuation bet. Estas estratégias prevalecem especialmente quando o jogo rola nas agressivas mesas 6-max, jogos short handed e HU. Three betar com frequência permite ajustar-se contra jogadores que abrem com um range muito amplo, e c-betar é obviamente uma ferramenta para levar potes quando você acha que o oponente errou o flop, ou ele pensa que você acertou.

turn queen card burn carta queimando poker poquer
Entretanto, conforme você sobe de níveis, a maioria dos jogadores não usam essa linha, e tem meios de contra atacá-la. Por exemplo, se tornou comum o four-bet light, e contra atacar jogadores que c-betam com frequência aumentando de forma light ou aplicando floats no flop. Por isso não podemos c-betar qualquer pote contra jogadores inteligentes, mas também não podemos só aplicar check e desistir.

Para continuar a levar os potes e dificultar a vida dos oponentes, você precisa continuar a aplicar agressão no turn depois de ter mostrado força no flop. Isto significa continuar com blefes ou semi-blefes contra jogadores que possivelmente estejam em float contra você, ou dar check-raise contra jogadores que tentam levar o pote no turn. Isso também significa apostar por valor de forma mais leve em situações onde você tem uma dinâmica agressiva contra o vilão. Isso balanceará seu jogo, e irá torná-lo em um jogador difícil de combater. Mas o poker não é tão simples, e deve-se considerar alguns cenários onde você pode se encontrar e em que sua escolha de jogo pode ser baseada em outras variáveis.

Ponto chave:
Ser agressivo no turn é vital em cash games com poucos jogadores, onde há um grande aumento pré-flop e agressão no flop com muito mais jogadores contra atacando o agressor pré-flop.

Posição é Tudo

A situação mais comum é quando você aumenta antes do flop e é pago por outro jogador, tanto no pré flop quanto no flop. Neste ponto, você precisa considerar sua posição – Tanto na sua mesa quanto em relação aos outros jogadores, a textura do flop e a carta do turn, bem como as tendências de seu oponente. Se você aumentou em posição inicial, então obviamente você é capaz de ter uma mão forte nesta situação e isso deve ditar seus passos.

Se o bordo é auto ou não coordenado, então você deve apostar tanto no flop quanto no turn em muitas situações. Mas se ele for baixo ou cheio de draws, talvez você tenha que desistir depois de uma aposta (ou, sequer aposte no flop). Você deve também estar mais inclinado a blefar quando estiver em posição ou quando scare cards aparecerem no turn, já que ambos os fatores estão a seu favor.

Entretanto, se você aumentou em posição final e foi pago no flop, sua posição em relação ao jogador que pagou é muito importante. Poucos jogadores seguirão contra você fora de posição no flop, sem nenhuma mão, quando você é o último a falar e assim sendo se eles pagarem, provavelmente tem algo.

Mas você precisa ter em mente que muitos jogadores vão lhe pagar pré-flop e no flop com mãos como pares médios, quando o bordo for baixo com uma única overcard. Sendo assim, você deve estar disposto a aplicar um double ou até mesmo triple barrel contra eles, quando cartas ruins aparecerem.

Se, no entanto, você está fora de posição no pós flop, tendo aumentado em posição final, suas jogadas se tornam muito mais dependentes de seu oponente.

Em stakes altos, e contra jogadores fortes você deve assumir que não conseguirá se safar, levando potes com c-bet frequentemente. Você se encontrará muitas vezes em situações complicadas no turn contra jogadores que estão inclinados a pagar continuation bets em posição com um range amplo, incluindo monstros, draws, mãos marginais e floats.

Assim, sua estratégia no turn precisa ser igualmente balanceada se você está fora de posição, e você precisa estar bem atento à sua imagem e as tendências de seus oponentes. Quando você aumenta em posição média ou final você não precisa necessariamente ter uma mão forte, e por causa disso – e pelo range aberto de seu oponente – a textura do bordo se torna importante. Sua estratégia deve variar entre double barrel, apostar leve por valor e check-raise, para evitar que seus oponentes apostem quando você der check com outras cartas de seu range. Se seus oponentes não presumirem suas ações, eles não conseguirão explorá-lo.

Ponto Chave:
É muito importante ter uma análise diferente do jogo, baseada na sua posição e na textura do bordo, antes de tomar uma decisão no turn. Fora de posição, sua jogada se torna muito mais dependente de seu oponente.

Jogando potes re-aumentados

Outra situação onde jogadores intermediários enfrentam problemas é em potes re-aumentados quando suas c-bets são pagas no flop. Novamente, é importante balancear seu range para tais ações, já que muitos jogadores aplicam c-bets com muita frequência em potes re-aumentados, esperando levá-los.

Entretanto, jogadores inteligentes reconhecem esse range aberto para three-bets e continuation bet frequentes, e assim, é preciso ocasionalmente dar check no flop. Esta é uma jogada normal uma vez que seu range será mais forte do que em um pote aumentado apena uma vez.

No turn, é preciso começar a ação com uma c-bet atrasada, se você deu check no flop, ou considerar suas opções se apostou e foi pago. Obviamente, em um cenário mais avançado, os stacks serão importantes, já que você pode comprometer uma boa fatia dele em uma aposta no turn. Você quer fazer apostas que possam lhe colocar em situações de all-in no river, sem comprometer-se em pagar um all in no turn.

Você deve procurar boas situações para isso, caso vá blefar, como bordos secos, com pares ou com Ás como carta alta, onde é difícil que você mesmo tenha um draw caso seja contra atacado. Você não deve apostar em situações onde não é comum receber um fold, como em bordos bem coordenados ou em um turn que possa ter melhorado mãos marginais, dando a elas o gut-shot ou outros outs.

Obviamente seus oponentes em stakes mais altos usarão táticas similares contra você e assim sendo você precisará fazer ajustes. Pode fazer isso foldando mãos marginais fora de posição no flop, que não podem enfrentar apostas no turn ou podem enfrentar péssimas cartas. Você pode também pagar mais light em posição, contra opoentes que gostam de aplicar double barrels bluffs ou apostar em scare cards com frequência. Você deve também estar preparado para apostar alto ou ir all in no turn com draws em situações onde seu oponente está inclinado a apostar e depois foldar uma grande parte do seu range para raises. Lembre-se, a agressão no turn é uma ferramenta valiosa, e você precisa usá-la.

Ponto Chave:
Em potes re-aumentados, você precisa variar seu jogo e algumas vezes dar check, já que muitas c-bets podem te colocar em situação complicada.