Poker online – 10 erros cometidos 3/3

Esta última parte dos erros mais frequentes cometidos pelos jogadores inexperientes em poker online abordará temas já desenvolvidos aqui, como a falta de atenção e o jogo short handed. Além dois novo serão estudados como a irracionalidade do blefe nos micro limits e a necessidade de parar de jogar em certos momentos. As duas primeiras partes do artigos podem ser encontrados logo abaixo:

Parte 1; Parte 2;

Erro #7 – Não prestar atenção.

Todos falam sobre ler seus oponentes, jogar de acordo com seus oponentes, etc. Mas como você fará isso se você não estiver prestando atenção na ação da mesa? Não prestar atenção é um erro muito comum no jogo on-line, e pode acarretar em muitos erros em decisões estratégicas importantes.

Vamos conferir algumas das mais comuns distrações dos jogadores on-line:

Ler e-mails
Falar ao telefone
Assistir televisão
Jogar duas mesas
Navegar na internet
Conversar com seus amigos, familiares, etc.

Um ponto crítico para avançar seu nível de jogo é criar um ambiente correto para que você possa focar a ação e seus oponentes. Identificar as tendências de seus oponentes e jogar de acordo com isso não é uma habilidade fácil de se desenvolver e requer sua constante e total atenção.

É muito fácil jogar em um estilo robotizado, onde você simplesmente joga suas cartas. Você pode até fazer dinheiro com esse estilo, que é o que os jogadores de múltiplas mesas fazem. Porém, esse estilo de jogo não irá maximizar seus lucros e também não irá ajudar você a crescer como jogador, adquirindo experiência a tomar decisões baseadas nas tendências de cada oponente. Então, crie um ambiente que conduza você a melhorar seu jogo.

grind grinding online poker artigos poquer computer table live

Encare o monitor como encararia uma pessoa real.

O que você pode fazer para mudar isso? Leia seus e-mails antes de sentar às mesas. Desligue a tv ou coloque-a longe de onde você estiver jogando. Se for possível, não atenda ao telefone. Agende suas sessões de poker para não conciliar com o seu tempo social ou atividades familiares (para outras dicas em como melhorar a concentração no jogo online, dê uma olhada nesse outro artigo sobre esse tema específico).

As conseqüências de não prestar atenção podem ser a diferença entre um jogo medíocre e avançado. Vamos conferir alguns exemplos: Você está no Cut-off com AJ offsuit e o jogador antes de você aumenta, tendo a mesa rodado em fold. Normalmente esse seria um fold fácil contra um jogador regular. Mas e se o oponente aumentou 7 das 10 últimas rodadas? Se você não notou isso devido a distrações você irá simplesmente foldar, mas se você notar que ele é um maníaco, essa é uma grande chance para um reraise. Outros exemplos não são tão claros e precisão de muita atenção para serem identificados.

Por exemplo, um jogador em particular na sua mesa nunca aplica check-raise. Ele sempre aposta com as mãos fortes e dá check com mãos fracas. Se você está prestando atenção, poderá foldar suas mãos medíocres quando ele apostar ou poderá apostar quando ele aplicar check. Esta é uma informação valiosa mas não será não notada a não ser que você esteja prestando muita atenção à ação da mesa.

Faça um teste: Da próxima vez que você sentar à mesa, preste atenção por 10 minutos e então pergunte a si mesmo algumas simples questões:

– Quem está sendo tight no préflop e quem está sendo loose?
– Ha algum jogador loose agressive sentado na mesa?
– Quem são os rocks no pósflop e quem persegue quaisquer outs?
– Quem são os dois melhores jogadores da mesa?

Dez minutos podem não ser o suficiente, e suas primeiras impressões podem acabar mudando. Mas você precisa começar a criar históricos de cada jogador desde o exato momento em que você senta à mesa. Preste atenção na ação e primeiramente aprenda a identificar as tendências de seus oponentes. Eventualmente você será capaz de se focar em tendências mais complexas, como quais oponentes gostam de aplicar checkraise, quais oponentes gostam de aplicar slowplay, e quais gostam de aplicar o semi-bluff. Eu comumente comparo o aprendizado do holdem com o aprendizado de outra língua. Assim que você sente que estabilizou seu jogo, algo novo se tornará obvio para você e então você dá um salto para outro nível. Então, preste atenção e desenvolva a habilidade de ler seus oponentes. Isso irá ajudar a tomar as melhores decisões.

O pior erro é jogar em limites muito mais altos que seu bankroll. É o pior erro porque no final você não poderá jogar mais. Se você não se importa em quebrar, então você pode correr mais riscos. Mas se você quer jogar poker pelos anos que virão, você tem de gerenciar de forma correta seu bankroll.

Erro #8 – Blefar demais.

Não há nada mais glamuroso e excitante do que fazer um grande blefe em uma mesa de poker. Para o jogador, a satisfação não vem somente por faturar um bom pote, mas também por desafiar e vencer um oponente.

Infelizmente, muitos jogadores acabam entrando em problemas por blefar demais. Isto é mais visível no on-line do que nos jogos ao vivo. Blefar demais não é rentável na internet. Especialmente nos jogos de limites baixos, onde freqüentemente vemos mãos chegarem até o showdown.

Há muitas razões para tentar blefar no poker. A mais obvia delas é o lucro imediato que você consegue ao aplicar um blefe bem sucedido. Ao jogar contra jogadores observadores, é importante blefar para conseguir ação no futuro, quando você tiver mãos sólidas. Este é, por exemplo, um dos pontos chaves para o sucesso de Gus Hansen. Ele ganha e perde muito por causa de seus blefes, mas são os lucros conseguidos em mãos realmente sólidas que o torna em um jogador bem sucedido. Se você não blefar não será pago muito freqüentemente, já um jogador que blefa freqüentemente será desafiado muitas vezes. É a combinação do lucro imediato ganho e o valor das jogadas futuras que torna o blefe lucrável, quando aplicado nas situações corretas.

Mas tenha em mente que o jogo on-line é bem diferente do que o jogo ao vivo. Blefar na internet não te da o mesmo valor para as jogadas futuras do que no jogo ao vivo. No on-line os jogadores não prestam tanta atenção quanto nos cassinos, e poderão não notar seu blefe. Eles podem estar disputando em duas mesas, assistindo tv ou lendo os e-mails. Além do mais, você não joga tantas vezes contra o mesmo oponente no on-line para tirar proveito de sua imagem loose. Você pode estar tentando aplicar um blefe, e em 15 minutos depois você terá quatro ou cindo jogadores novos sentando à mesa. Claro, algumas vezes blefar é preciso em jogos onde os jogadores não saem e entram no jogo muitas vezes e quando enfrentamos jogadores regulares, mas no jogo on-line essas situações são exceções e não a regra.

O princípio fundamental é que o blefe nos jogos on-line praticamente só agrega valor na jogada específica em que você o aplica, ou seja, você só tem o lucro imediato da jogada. Uma vez que o valor agregado das jogadas futuras diminui muito, blefar, geralmente, é menos lucrativo no on-line se comparado ao jogo ao vivo.

Mesmo assim muitos jogadores ainda blefam bastante no jogo on-line. Eu acredito que isto é resultado de duas características únicas do jogo on-line: O muro virtual da internet faz com que muitos jogadores tentem enganar muito mais do que no jogo ao vivo. Se Ganha muito mais confiança e coragem ao não termos que olhar nos olhos de nossos oponentes. O ambiente virtual também torna mais fácil comprometer suas fichas para tentar um blefe. Se você vai blefar, tudo se resume ao clique do mouse. Compare isso ao jogo ao vivo, onde você tem que fisicamente mover suas fichas até o centro da mesa enquanto seu oponente lhe observa. Muitos jogadores acabam não se preocupando com suas “fichas virtuais”.

Tome cuidado para não permitir que essas tentações guiem seu jogo. Tenha em mente também que por haver mais blefes no jogo on-line, os oponentes pagaram seus blefes mais freqüentemente do que no jogo ao vivo. Esta é mais uma razão para ser bem seletivo ao tentar blefar

Erro #9 – Não saber a hora de parar.

Muitos jogadores tem objetivos à curto prazo. Eles sentam na mesa e querem fazer dinheiro… agora! Muitos sofrem por encerrarem a sessão com uma grande perda. Isto mata eles. Quantas vezes você já ficou até altas horas da madrugada tentando ao menos terminar a sessão even (igual a como começou)? Ou quantas vezes foi dormir chateado e com peso na consciência, se sentindo um jogador perdedor?

Infelizmente, este tipo de pensamento esconde a qualidade de seu jogo. Tentar recuperar suas perdas é um propósito errado, especialmente quando você está sonolento. Você começará a entrar em mais potes, torcendo para que acerte uma grande mão. No flop você pode estar com um draw fraco, mas decide ir em frente esperando acertar um grande pote e voltar ao even. Você não acerta o flop e então decide: “Ah, uma aposta a mais não vai me machucar”, e então paga o turn. Você acaba perseguindo outs em situações com má perspectiva, onde é muito difícil acertar seu jogo. Você quer ir dormir com a consciência limpa, sem peso, mas acaba se enterrando cada vez mais.

Para todos que se vêem na situação descrita acima, eu tenho um simples conselho: Você sempre poderá voltar ao even amanhã ou no dia seguinte. Poker é um jogo longo e continuo que nunca acaba. Pensar nele em termos de sessões ou até mesmo semanas deixará muitos jogadores de mau humor. Para ter uma perspectiva correta do jogo, sempre analise no longo prazo. Eu sempre analiso meus resultados mensalmente.

A internet é maravilhosa para os jogadores de poker, pois você sempre terá um jogo para disputar. Quando as coisas estiverem ruins e você começar a se ver esperando um grande pote, é melhor sair da mesa e esperar o dia seguinte para que as coisas voltem ao rumo correto. É uma decisão muito simples quando pensamos melhor sobre ela. Você pode continuar a afundar ou sair e voltar em outro dia, mentalmente renovado. Então lembre-se: Você pode sempre voltar ao even amanhã ou depois de amanhã.

Erro #10 – Jogando em mesas short-handed com pouca experiência.

Mesas short-handed são um dos estilos de poker mais lucrativos. Meus ganhos sempre foram maiores em short-handed se comparados ao jogo full-ring. Existem, basicamente, duas principais razões para esse fato.

1 – Jogadores mais experientes tem maior vantagem no short-handed contra a maior parte dos oponentes.

2 – Você recebe mais mãos por hora, então você tem mais oportunidades de aproveitar erros de seus oponentes.

Vamos discutir brevemente estes dois pontos. o jogo short-handed requer mais habilidade que o jogo full ring. Entender as tendências de seus oponentes é muito mais importante no short-handed do que no full-ring. No jogo full ring, muitas vezes, você pode simplesmente sentar, esperar as cartas e só isso já lhe será rentável. O jogo short-handed não lhe dá esse luxo. Você paga blinds com muito mais freqüência, então tem de aprender a jogar mãos fracas. A maior parte de seus lucros será conseguido em cima das fraquezas individuais de seus oponentes. É preciso ser um jogador experiente para identificar essas fraquezas.

Em um jogo full ring você recebe cerca de 70 mãos por hora. Em um jogo short-handed este número pode ser de 100 até 120 mãos por hora. Estas mãos extras dão aos jogadores experientes mais oportunidades de tirar vantagem sobre seus oponentes. O resultado final é um lucro por hora muito maior do que nos jogos full ring.

Pode parecer que estou promovendo o jogo short-handed. É verdade que ele pode ser mais lucrativo, mas os jogadores iniciantes podem enfrentar muitos problemas ao disputar partidas short-handed. Eles não têm experiência suficiente para jogar bem nessa modalidade. De vez em quando eles engrenarão em uma good run e acabarão viciados no jogo short-handed, ainda mais do que no full ring, mas normalmente perderão este dinheiro.

Um dos maiores erros que você pode cometer é disputar uma partida onde você está em desvantagem, especialmente com um número alto de mãos por hora. Os iniciantes não só estão em desvantagem como também não tem o bankroll necessário para suportar as flutuações. Essas flutuações também levam os jogadores à tiltar mais facilmente, o que é outra grande fraqueza dos jogadores iniciantes. O jogo short-handed é jogado de forma completamente diferente e você precisa de muita experiência para se dar bem. Meu conselho é manter-se no full ring para melhorar seu jogo antes de tentar outras variações de disputa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: